The Tale of the Three Dunces

    Compartilhe
    avatar
    Kuroo
    Mod
    Mod

    Mensagens : 3468
    Data de inscrição : 25/11/2011
    Idade : 22

    The Tale of the Three Dunces

    Mensagem  Kuroo em 6/6/2013, 19:44





    Capítulo 1 - Notícias além Mar

    Há muito tempo atrás, num reino outrora rico e próspero chamado Sonizônia viva uma população esforçada, trabalhadora, conhecidos por todo o Intermundo como uma das maiores potências, ostentando orgulhosamente o estandarte do ouriço negro, junto com suas aliadas, Powersónia do Equidna Rosa e Conneziona do Selo de Oricalcos, travando guerras constantes com os puristas da Eajsónia.
    A nossa história começa com o surgimento de um jovem e promissor artista, orgulhosamente pomposo, amante de arte, Kimcarus Foxacqua, que vivia e espunha orgulhosamente os seus trabalhos na outrora movimentada cidade de Araefánn.
    O atelier de Kimcarus, outrora muito visitado, era agora praticamente ignorado dado ao movimento de abandono do velho centro urbano, algo que deixava o jovem artista irritado, demente até, enfurecido com o mundo pois o mesmo não apreciava a sua Magnum Opus, "O Reino Místico".

    -Críticos aqui, críticos ali, bah! - Desabafou um dia o artista. - Este reino vai de mal a pior e precisamos que alguém mexa com ele!

    -Talvez eu possa ajudar, meu amigo...

    Kimcarus desviou o olhar do tecto do seu atelier, através do qual conseguia ver o céu porque "razões", e fitou quem havia falado, um homem encapuçado, que olhava nervosamente por cima do ombro enquanto falava.

    -Quem sóis, estranho? - Questionou Kimcarus, preparado a sacar da sua espada, "Kriminosa".

    Um sorriso largo, doentio até, surgiu por baixo das sombras do capuz. Levando ambas as mãos ao capuz negro da manto, o homem retirou-o, mostrando a sua face.

    -Oh! Niccoló!

    Ainda com o seu sorriso amarelo estampado no rosto, Niccoló diErizo, um desterrado do reino, sentou-se num banco ao lado daquele onde Kimcarus estava e começou a falar no mesmo tom baixo que usará à pouco:

    -Tenho notícias frescas.

    -Deveras? - Questionou Kimcarus, que ainda estranhava o tom do amigo, se bem que estava consciente que o mesmo era um desterrado e por isso, todo o cuidado era pouco. - Conta-me-às depressa, amigo, o tempo é rápido e o mundo doido!

    -Preparamos um ataque. - Sussurrou Niccoló.

    -Meu Sonic! - Exclamou Kimcarus. - Porque não me avisaste, amigo?

    -Estou a fazê-lo agora mesmo, idiota!

    -Oh, perdão, tens razão... - Kimcarus fez uma pausa. - Qual é o plano?

    -Blitzkrieg.

    -"Blís carro"?

    -Guerra relâmpago! - Disse um já exasperado Niccoló. - Temos infiltrados na corte. Ao meu sinal, o Augustus Guerrero cairá.

    Kimcarus sabia que devia estar chocado e devia impedir o seu amigo vingativo contra aqueles que o haviam desterrado, mas a verdade, é que ele próprio tinha contas a saldar com aquele povo injusto e não apreciador de arte. Com um sorriso diabólicos nos lábios, Kimcarus acenou:

    -Que assim seja.




    _________________
    the bottom's full of wolves ! they're thirsty for blood
    the mission is to catch ! someone slippin' above

      Data/hora atual: 25/6/2018, 08:59